theFlip MINO



Planejamento & Propaganda


Lindenberg Jr.

Com toda a incrível velocidade de atingir o publico, a Televisão e o Radio se destacam como ferramentas poderosas de marketing, mas podem se tornar custosos em relação ao resultado custo X beneficio, principalmente se o investimento é iniciativa de uma empresa pequena e local. Se o mercado a ser atingido é local – citamos como exemplo uma clinica médica ou uma agência de carros usados em determinada cidade, a publicidade televisiva que atinge um estado ou todo um país não é a mais apropriada. Nesse caso, se o produto ou serviço tem abrangência extensiva – citamos de exemplo uma loja on-line de CD’s/DVD’s que fazem entrega em todo território nacional, a publicidade pode ser apropriada.

Alternativas como a publicidade on-line ou na mídia impressa por sua vez, podem fazer a diferença, dependendo do publico e do respectivo orçamento para uma completa campanha publicitária. Os resultados podem variar de 1 semana até 6 meses dependendo do tipo de mídia e também do tipo de produto ou serviço. È importante levar em conta que uma programação mínima ou pré-estabelecida é necessária para um prospecto retorno de uma campanha. Lembro que o “marketing” inteligente é aquele da “continuidade”. Na maioria dos casos, a campanha com “um único anuncio/inserção” não dar um resultado esperado. Como exemplo, cito os serviços de um advogado ou de um agente imobiliário. Uma pessoa em geral não precisa dos serviços de um advogado ou de um corretor de imóveis com muita freqüência. Mas no caso de uma necessidade, a freqüência de uma mensagem publicitária de um determinado profissional na mídia pode fazer a diferença em relação a iniciativa e decisão por parte dessa pessoa. É o marketing de estar “presente” ou de estar exposto a “memorização”.

O passo inicial para tomar decisões é solicitar um “media kit” (kit de mídia) para ser entregue por correio ou via on-line pelo respectivo meio de comunicação. No caso da mídia impressa em particular, esse mídia kit deixa você saber sobre a tiragem de uma edição, a distribuição da mesma, perfil do leitor e demografia, além de tamanhos de anúncios disponíveis e seus respectivos valores. Outra coisa importante é saber se existe auditoria freqüente na circulação/distribuição. Uma coisa é produzir e imprimir 50.000 jornais ou revistas e a outra é produzir, imprimir e saber onde distribuir e como melhor circular com o que foi produzido. Um fato que pode ser interessante ao iniciar uma campanha é saber sobre os temas de pauta de uma determinada edição. Por exemplo, uma edição que tenha um artigo sobre o Jiu-Jitsu Brasileiro pode dar inicio a uma campanha de uma academia de Jiu-Jitsu (ou se a academia já é anunciante, pode ser uma boa oportunidade para um diferente ou especifico artwork). Algumas mídias impressas possuem um programa de pautas que podem incluir edições especiais.

Se o produto ou o serviço a ser “marketeado” pode obter melhores resultados em dias considerados especiais, tipo dia dos namorados, dia das mães ou ainda dia de natal, etc, procure planejar a campanha com antecedência ou de produzir diferentes e específicos “artworks” ou “designs”. Se você estiver querendo atingir um publico diferente tipo comunidades Internacionais, e ainda por temas baseados em feriados distintos dessa especifica comunidade, tente baixar na Net o calendário Calgoo - este é um programa gratuito usado para sincronizar o Outlook com o Google Agenda, mas com um benefício adicional de informar sobre feriados ao redor do mundo.

Abaixo segue uma idéia de programação anual sobre o marketing estratégico que pode servir de “luz” para a sua própria programação:

Janeiro - Março
Geralmente a primeira temporada do ano é bastante tranqüila, principalmente o mês de janeiro. As festas terminaram e muita gente esta cautelosa em gastar. Já em fevereiro e março muita gente já tem recebido dinheiro do imposto de renda e a economia volta a se normalizar. Já as empresas, precisam se programar com novas metas a serem alcançadas e um plano de marketing publicitário em Janeiro. Já fevereiro e março, são meses que merecem especial atenção daqueles que tomam decisões do rumo de uma empresa.

Abril - Junho
As grandes empresas já estão se preparando para publicarem seus primeiros balancetes e seus respectivos lucros e perdas. Tempo de reflexão para não se cometer erros. Na mídia podem se ver muitas historias abordando impostos, “spring break”, turismo e melhores preços para viagens. Tempo bom para investir em publicidade para aqueles que tenham produtos e serviços conectados com o verão (USA) ou Inverno (Brasil).

Julho - Setembro
Com o verão em pleno andamento (USA) a mídia esta interessada em negócios que estão dando certo, noticias de celebridades, tendências da moda “sexy”, saúde e nutrição, alem da volta à escola. Época que muitos profissionais estão de férias, inclusive jornalistas, mas também os melhores meses para se enviar press-releases sobre novos negócios e novos produtos. Preste atenção a preços promocionais de verão já que algumas mídias alternativas oferecem preços especiais de verão. Momento excelente para quem trabalha direta ou indiretamente com shows, festas, casamentos e eventos em geral.

Outubro - Dezembro
A mídia esta de olhos bem abertos para temas como o dia de Ação de Graças e o Natal, resoluções de ano novo, controle e organização de finanças, previsões financeiras e econômicas, política e novos rumos, além de romance e desencantos amorosos. Para as empresas, época importante para aqueles dedicados a negociar com carros, mudanças, viagem e turismo, roupas e acessórias. Uma época extraordinária para aqueles que sabem “marketear” bem seus restaurantes e bares. Dezembro é um mês morto para certos tipos de negócios e, portanto, uma época boa para descansar, reativar energias e programar seu marketing para o ano seguinte com antecedência.

Enfim, não adianta ter o melhor produto do mundo, sem que um número maior de pessoas saiba sobre esse especifico produto ou serviço. Por fim, gostaria de lembrar o efeito “marketing viral” de alguns tipos de estratégias de propaganda. Uma pessoa que pode se tornar um cliente através de uma campanha publicitária (por menor que seja o custo ou a continuidade) pode gerar um outro novo cliente e assim sucessivamente.

-----------------------------------------------------------------------------------------

* Esse artigo pode ser publicado com pré-autorização do autor, se o seu conteúdo não for alterado de nenhuma forma e se o serviço sobre o autor (abaixo) for incluído no final do texto.

* Lindenberg Jr. é jornalista, produtor de eventos na Califórnia e consultor de marketing online. Sua empresa Kisuccess Publishing & Marketing publica a revista Soul Brasil magazine, presta serviços de assessoria de imprensa, impressão gráfica digital, desenho gráfico comercial, desenvolvimento web, alem de produção de vídeo e eventos culturais – www.kisuccess.com / (818)508-8753.



Kisuccess Publishing & Marketing
19350 Sherman Way #139, Reseda, CA - 91335
(818)508-8753


Did you think this site is useful? Add it in your bookmark. You may wish
to bookmark this page as some links may take you to other web sites.


© Copywrite 2004-2009